Nick Jonas fala sobre Jumanji, Música, Moda e muito mais a Vogue UK
Nick Jonas fala sobre Jumanji, Música, Moda e muito mais a Vogue UK
Publicado dia:21/12/17

Entrando em destaque desde seus seis anos de idade, Nick Jonas é uma ameaça quádrupla. Cantor, compositor, ator e produtor, com 25 anos agora já pode adicionar uma indicação do Globo de Ouro ao seu extenso currículo, após anunciar que sua música ‘Home‘ da trilha sonora de Ferdinando está concorrendo ao prêmio de “Melhor Música Original” .

Com o lançamento de seu novo filme, Jumanji: Bem-vindo à Selva, uma adaptação moderna do clássico filme de 1994 com Robin Williams, Nick concedeu uma entrevista a Vogue britânica para conversar sobre tudo: atuar, cantar, moda e Londres.

Então, ele sentiu uma grande responsabilidade em revisar o icônico filme de Robin Williams?

“A pressão foi aliviada quando ouvi dizer que não era um reboot ou um remake, mas sim uma nova aventura Jumanji, porque então você pode contar sua própria história”, explica Nick. “Há um novo conjunto de personagens e o jogo de tabuleiro torna-se um vídeo game . Foi um ótima organização para fazer algo realmente único e trazer Jumanji e a estrutura do que amamos sobre o primeiro para uma nova geração de uma nova maneira”.

Não pense que Nick Jonas é o único grande nome presente neste filme que estreia nos cinemas brasileiros em 04 de janeiro. O trio “intimidante às vezes” de Jack Black, Kevin Hart e Dwayne Johnson também são estrelas. Como ele revela:

“Eles se importam tanto com o trabalho, garantindo que todos tenham um ótimo momento – e acho que isso é visível. Na câmera, você realmente sente essa energia e a conexão que todos nós tínhamos. Nós riamos o tempo todo. Estou surpreso de ter conseguido fazer o filme, porque eu estava rindo em todas as tomadas”.

 

 

Jonas não está errado, a química na tela entre os personagens é parte do que enche o “novo” Jumanji com todos esses momentos de risada. Mas o que Nick procura em um papel?

“Eu gosto de sair da minha zona de conforto”, explica. “Eu procuro coisas que me empenham a fazer algo diferente e realmente explorar diferentes personalidades. Durante a minha infância e adolescência, eu estava desempenhando papéis nos projetos da Disney que eram muito parecidos comigo. Então, agora eu gosto de misturar isso. O diferente é sempre muito divertido”.

Quando Nick não está na grande tela, ele está se apresentando em palcos ao redor do mundo. Ex-membro da famosa banda, os Jonas Brothers, ao lado de seus irmãos mais velhos Kevin e Joe, a carreira solo de Nick começou em 2014 com seu álbum de estréia homônimo e só passou a crescer desde então.

“Eu amo Stevie Wonder, Prince e Michael Jackson. Mas eu também sou um grande fã de música country. Shania Twain, Tim McGraw e Garth Brooks. Tenho a música Prayers Up, do Calvin Harris com Travis Scott e A-Trak, no repeat”.

 

 

Para Nick não são apenas telas de cinema e arenas esgotadas, a estrela sempre foi elogiada por suas escolhas na moda, fazendo parte de listas cobiçadas como “Homens mais bem vestidos” da Vogue e da GQ. Suas marcas favoritas?

“Eu me sinto atraído por coisas clássicas como Ralph Lauren, John Varvatos, Dior e Louis Vuitton. É bom como um homem ser capaz de vestir costura masculinas clássicas, mas com elementos de risco e atraentes. Por exemplo, para a estréia em Londres de Jumanji, meu look de tapete vermelho era um terno de osso com pescoço duplo e pescoço de tartaruga modificado”.

 

 

Nick continua explicando que ele tem uma afinidade especial pela capital britânica após uma residência de verão no West End tocando Marius em Les Misérables.

“Eu sinto que sou um londrino. Eu não sou realmente, porém, vir aqui para mim é tudo sobre ver meus amigos, sair e ir aos meus locais favoritos como Scalini no Chelsea – eles fazem um pesto nhoque que parece não ser deste mundo”.

Ser um galã pop, é claro, tem suas desvantagens. Como alguém com 13,4 milhões de seguidores no Instagram, Nick incentiva uma maior sensação de consciência digital entre seus fãs:

“As pessoas pensam que estão falando com você, mas é a coisa estilo CatfishUm catfish é alguém que finge ser outra pessoa na internet, geralmente envolvendo outra pessoa romanticamente. As pessoas aparecerem, dizem algo e pensam que é como uma piada interna, mas na verdade não sou eu”.

Com três álbuns e uma lista cada vez maior de prêmios e indicações, qual o melhor conselho que Nick recebeu?

“Observe as pessoas que você mais admira e aprenda com seus erros. A chave nisso é estar ciente da oportunidade que você tem para trazer alguma positividade para o mundo. Nós todos podemos errar, estamos todos em um passeio louco e estamos apenas tentando fazer o nosso melhor, mas se você pode trazer positividade e luz, isso é uma coisa boa”, respondeu. “E não deixe seu telefone ligado durante uma entrevista”, ele acrescentou enquanto o nome de Kevin Jonas apareceu enquanto seu celular vibrava.

 

Materia em Inglês: Vogue UK

 

Escrito Por: Clara
Categoria: Entrevista | Jumanji | Música | Noticias
Tags: | , , , , , , , , , , , ,